Posted by: africanpressorganization | 18 June 2013

União Europeia apoia com 5,5 milhões de euros à luta contra a mortalidade materna e infantil na Guiné-Bissau


 

União Europeia apoia com 5,5 milhões de euros à luta contra a mortalidade materna e infantil na Guiné-Bissau

 

BISSAU, Guinea Bissau, June 18, 2013/African Press Organization (APO)/ Por ocasião da sua última reunião em Bruxelas, o Comité do Fundo Europeu de Desenvolvimento aprovou um programa de ajuda a Guiné-Bissau na área de saúde materna e infantil. O programa começará a sua implementação imediatamente.

Logo após o anúncio da aprovação deste programa, o Chefe da Delegação da União Europeia, Embaixador Joaquin González-Ducay relembrou que “o atingimento dos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio para 2015, está no centro da Política de desenvolvimento da União Europeia. O Programa Integrado Materno-Infantil insere-se nesse âmbito.”

O Embaixador salientou ainda que “o programa procura a diminuição da mortalidade materno-infantil através de um sistema que garantirá às mulheres e crianças o acesso gratuito aos medicamentos ligados à saúde materna e infantil. Ele abrange a formação dos médicos, enfermeiros e parteiras com bolsas previstas para esse efeito. Ele prevê também o acesso gratuito ao transporte para às mulheres em processo de parto imediato e às crianças doentes com poucos recursos das tabancas longínquas. E finalmente, tem também como objectivo a melhoria de gestão financeira e sanitária dos Centros de Saúde e Hospitais

Numa primeira fase de implementação, o programa vai envolver as regiões de Oio, Biombo e Cacheu.

O Embaixador sublinhou ainda que “este programa não é uma acção isolada, ele segue à outros projectos em curso nomeadamente na área da educação e das infra-estruturas sociais, e virá a ser complementado por outros num futuro próximo. É mais um exemplo do compromisso da União Europeia junto com o povo da Guiné-Bissau.”

 

SOURCE 

European Commission


Categories

%d bloggers like this: